Rosuvastatina (genérico do Crestor)

Rosuvastatina é um medicamento oral, mais conhecido como Crestor. Esse medicamento funciona como um redutor de gordura, que quando usado da maneira correta e contínua, reduz de maneira significativa a quantidade de colesterol e triglicerídeos no sangue. A rosuvastatina é um potente inibidor da HMG-CoA redutase, a enzima que limita a velocidade do precursor do colesterol, portanto, seu uso continuo reduz vários graus de substancias gordurosas no sangue, que se chamam lipídeos. Essa redução geralmente é obtida em até 4 semanas e se for mantido o tratamento, continua após esse período.

A rosuvastatina é também utilizado para reduzir o risco de acidente vascular cerebral, ataque cardíaco e outras complicações cardíacas em pessoas com diabetes, doenças do coração ou outros fatores de risco. Os antiácidos reduzem a absorção de rosuvastatina e devem ser administradas duas horas após a rosuvastatina.

É também indicado para homens acima de 50 anos ou mais e mulheres com 60 anos ou mais que têm PCR (proteína produzida no fígado) ultra-sensível aumentada no sangue e pelo menos um dos fatores de risco cardiovasculares associado com o tabagismo, hipertensão arterial, história familiar de doença cardíaca prematura ou HDL colesterol baixo.

INDICAÇÕES

Rosuvastatina ou Crestor deve ser usado junto a uma dieta, como complemento a uma dieta que já não tem tido sucesso. Em pacientes com alto nível de colesterol no sangue, rosuvastatina é indicada para:

  • Redução do Colesterol LDL
  • Tratamento de hipertrigliceridemia isolada (alto nível de triglicérides) (hiperlipidemia de Fredrickson tipo IV).
  • Retardar ou reduzir a progressão da aterosclerose (acúmulo de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos).

CONTRA-INDICAÇÕES

Como todo e qualquer medicamento, a Rosuvastatina possui contra-indicações. Aqui estão algumas delas:

  • O paciente não deve utilizar o genérico do Crestor ou a rosuvastatina se possuir alergia a um ou mais componentes do medicamento.
  • O paciente não deve utilizar o medicamento se tiver doença no fígado.
  • O paciente não deve fazer uso do medicamento se tiver mau funcionamento (grave) dos rins ou do fígado.
  • Esse medicamento não deve ser utilizado por gestantes ou em mulheres que estão tentando engravidar.

POSSÍVEIS EFEITOS COLATERAIS

Em casos raros, a rosuvastatina pode causar uma condição que resulta na degradação do tecido muscular esquelético, levando à insuficiência renal. Chame o seu médico imediatamente se tiver dores musculares inexplicáveis, sensibilidade ou fraqueza, especialmente se você também tem febre, cansaço anormal, e urina de cor escura.

Evite comer alimentos que são ricos em gordura ou colesterol. A Rosuvastatina não será tão eficaz em reduzir seu colesterol, se você não seguir um plano de dieta para baixar o colesterol. Evite consumir álcool. Ele pode aumentar os níveis de triglicérides e podem aumentar o risco de danos no fígado.

No mais, o medicamento como qualquer outro fornece chances de manifestar possíveis efeitos colaterais, como:

  • Dor de cabeça
  • Dores musculares
  • Dores abdominais
  • Sensação de fraqueza

OUTRAS INFORMAÇÕES

Este medicamento tem sua venda sob prescrição médica.

É caso de super dosagem o indicado é que vá direto ao hospital e leve a embalagem ou a bula do medicamento.

Consulte seu médico para mais informações para que seja orientado corretamente.