Piso vinílico é opção prática e barata para revestir ambientes

Comum em pisos de hospitais e clínicas, o revestimento vinílico vem conquistando uma grande fatia do mercado através dos novos padrões que imitam fielmente a madeira. Com instalação extremamente prática, o produto possui diferenciais como a instalação simples e também a facilidade na hora de limpar.

Ecologicamente correto, o piso vinílico é produzido a partir do PVC reciclado e pode ser encontrado em diversos padrões no mercado. Desde os que imitam madeira de demolição, até tons mais claros e uniformes.

A utilização cada vez mais frequente do piso vinílico em projetos de decoração tem gerado diversas dúvidas nos consumidores, mas a Pertech preparou um manual que vai esclarecer todas as questões sobre o novo produto queridinho do mercado.

O piso vinílico pode ser utilizado em áreas sujeitas a umidade?

Sim. Por não absorver água e não deformar, os pisos vinílicos não possuem restrições para áreas sujeitas a umidade, tais como cozinhas, banheiros e áreas de serviço.

Como deve ser feita a instalação do piso vinílico?

A versão mais moderna, o Acquafloor Click, é instalada sem a necessidade de cola e juntas de dilatação. Seu sistema de encaixe é através de um clique simples, portanto o piso é montado de forma simples e rápida.

O piso vinílico pode ser aplicado em cima de quais outros revestimentos?

O produto pode ser aplicado sobre pisos já existentes e superfícies rígidas como concreto, cerâmica, madeira e vinil.

Como deve ser feita a limpeza do piso vinílico?

A limpeza pode ser feita com produtos simples como detergentes neutros e um pano úmido.

Qual a durabilidade do produto?

O produto tem durabilidade de 15 anos, possibilitando inclusive levá-lo junto com a mudança e instalá-lo em um novo ambiente.

Quais os principais diferenciais do piso vinílico?

Produtos como o AcquaFloor são 100% resistentes à água, não deformam e nem mudam sua aparência, não mancham, são resistentes a riscos e a ataques de cupins. Além disso, ainda têm a vantagem de não proliferar bactérias. São antiderrapantes, fáceis de limpar e absorvem ruídos, o que evita o inconveniente “toc toc” tão comum em outros tipos de pisos.

 

Fonte: http://conteudo.portalmoveleiro.com.br/visualiza-noticia.php?cdNoticia=24737

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *