Pantoprazol (genérico do Pantozol)

O Pantoprazol é o principio ativo do medicamento Pantozol. Esse medicamento age inibindo a bomba de prótons, isto é, ele promove inibição da enzima gástrica que é responsável pela secreção ácida das células parietais (que são responsáveis pela produção de ácido clorídrico). A substância ativa do Pantoprazol age imediatamente na região ácida do estomago, mantendo-se praticamente inativo em locais que não são muito ácidos. É capaz então de inibir a secreção ácida gástrica independentemente da natureza do estimulo.

O inicio da ação do Pantoprazol é imediato e se dá logo após a administração da primeira dose e tem como efeito máximo cumulativo, ocorrendo no prazo de 3 dias. Logo a produção de ácidos tem retorno após 3 dias de interrupção da medicação.

É interessante lembrar que antes de iniciar o tratamento com o Pantozol, é necessário ter certeza de que o paciente não tenha ulcera gástrica maligna e doenças malignas no esôfago. Mas por quê? Porque o tratamento com o genérico do Pantozol pode aliviar os sintomas e causar um atraso no seu diagnóstico.

INDICAÇÕES

Este medicamento é indicado para:

  • Pacientes em tratamento da ulcera péptica duodenal (ulcera que é causada pelo ácido do estomago que entra em contato com o revestimento do inicio do intestino)
  • Pacientes em tratamento da ulcera péptica gástrica (ulcera causada pelo ácido do estomago)
  • Pacientes em tratamento das esofagites de refluxo moderada ou grave (doença causada pela volta do conteúdo do estomago para o esôfago)
  • Pacientes em tratamento para acabar de vez com o Helicobacter pylori (bactéria responsável pela formação das ulceras)

Para as esofagites leves, recomenda-se o uso de pantoprazol 20 mg.

CONTRA-INDICAÇÕES

Como todo medicamento, o Pantoprazol também apresenta contra-indicações. Algumas delas:

  • Esse medicamento não deve ser usado por paciente que seja alérgico a um ou mais componentes da formula.
  • O Pantoprazol não deve ser tomado enquanto se faz tratamento com o atazanavir.
  • Pacientes com disfunção hepática ou renal devem evitar o tratamento com pantoprazol.
  • Este medicamento é contra-indicado para pessoas na faixa etária de 0-12 anos.
  • O paciente deve ter certeza de que não possui ulcera gástrica maligna ou qualquer doença gástrica maligna antes de iniciar qualquer tratamento com o pantoprazol, pois este medicamento inibe os sintomas e pode atrasar o seu diagnóstico.
  • Este medicamento não deve ser administrado em pacientes gestantes ou lactantes.

POSSÍVEIS EFEITOS COLATERAIS

Alguns possíveis efeitos colaterais foram detectados para este medicamento. Seguem alguns:

  • Dor em região superior do abdômen
  • Dor de cabeça
  • Náuseas
  • Reações alérgicas como coceira e erupção da pele
  • Tontura e vômitos
  • Urticária
  • Inchaço da pele ou das mucosas

OUTRAS INFORMAÇÕES

Este medicamento é vendido sob prescrição médica, portanto aconselhamos que você procure seu médico, pois, só ele poderá informar se você deve ou não utilizar tal medicamento.

Até agora não se conhece efeitos de super dosagem no homem, mas no caso de super dosagem, se houver manifestação clinica de intoxicação, devem ser adotadas as medidas habituais de controle das funções vitais.