Conserto de fonte chaveada: missão quase impossível

Consertar fontes chaveadas é uma aventura, mesmo com o esquema elétrico. Imagine sem o esquema: é uma missão quase impossível!

Quando uma fonte chaveada está com defeito, ela simplesmente não liga. Qualquer componente da placa pode ser o responsável. Um capacitor cerâmico aberto no secundário e pronto, a fonte já não liga.

Outro problema é que cada vez que ligamos à fonte, ela queima ainda mais. Mesmo quando achamos um transistor queimado, não temos como saber se tem outro componente danificado, principalmente na parte de controle. E aí, quando ligamos novamente, além do transistor, queimamos vários outros componentes e o problema vai piorando.

Fonte_Chaveada_P_50bf7cee373a2

O VRS-565 é ideal para conserto de fontes chaveadas e inversores, pois testa o equipamento desligado e, quando trocamos os componentes defeituosos, podemos verificar se o problema foi resolvido ou se tem outro componente com defeito antes de ligar.

Originalmente tirado de Web Dicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *