Como ficar milionário escrevendo

Com apenas 26 anos, Amanda Hocking se tornou a maior escritora independente do site da Amazon! O detalhe é que ela vende seus livros apenas no formato digital (para e-readers e tablets), economizando com a produção em papel e sem a necessidade, inclusive, de uma editora. Ela nem tem o porquê de procurar uma editora pra publicar seus livros, como fazem milhares de autores todos os anos.

Amanda Hocking

Uma editora (na teoria) prepara, divulga e vende o livro para as livrarias e o autor fica geralmente com 5% e 20% dessa venda e não dos valores cobrados ao consumidor final. Ao vender direto para o leitor, através do site da Amazon, Amanda Hocking fica com 70% do valor (uma inversão de valores, se comparado a um escritor tradicional). E olha que ela vende cerca de 100 mil cópias por mês!

O segredo do seu negócio está justamente na tática de venda: ela cobra de US$ 0,99 à US$ 3 por livro. Baixando o preço, ela lucra no volume (a maioria no chamado “venda de impulso”), pois com o valor quase irrisório, as pessoas não pensam muito antes de comprar. Além de tudo isso, os e-books possuem outra vantagem: custo zero com impressão, com estoque e espaços em prateleiras, muito menos no frete, já que a entrega é imediata, feita por download.

Outros casos de escritores milionários

Antes Amanda Hocking aparecer, o escritor que mais vendia e-books era J.A Konrath, mas nem deveria ser levado em consideração, já que teve a vantagem de já ser conhecido e de já ter um acordo de publicação. No caso dela, que publicou suas estórias somente em seu blog antes de escolher publicá-los para e-readers e tablets.

Como ficar rico escrevendo | Amanda Hocking

Na verdade, dos 25 escritores considerados “best-sellers”, apenas seis já estavam filiados a uma editora anteriormente. Voltando a matemática: supondo que ela venda 100 mil cópias por mês, de 1 a 3 dólares. Ganhando 70% do valor das vendas, Hocking ganha milhões de dólares por ano, sozinha!

Bem vindo à nova era! De fluxo livre de informação e que veio para derrubar as editoras com seus modelos tradicionais de negócios. Nesta “nova era”, o mundo se torna um lugar melhor para escritores e leitores. Parabéns pela iniciativa Amazon, por tornar isso possível.

Publicado originalmente no Livros para Kindle