Atorvastatina (genérico do Citalor)


O Citalor é um medicamento indicado para reduzir o colesterol e triglicérides no sangue. O Citalor tem como principio ativo o medicamento Atorvastatina. A Atorvastatina é um medicamento oral que diminui o nível de colesterol no sangue. Ela pertence a uma classe de drogas referidas como estatina que inclui a lovastatina (Mevacor), simvastatina (Zocor), fluvastatina (Lescol), e a pravastatina (Pravachol) e rosuvastatina (Crestor). Todas as estaninas, incluindo a atorvastatina, evitam a produção de colesterol no fígado.

Também não se pode esquecer que a atorvastatina reduz o colesterol LDL, que é o colesterol mau que gera o acúmulo de placas de gordura no interior das artérias, aumentando os riscos de doenças cardiovasculares.  A atorvastatina é um medicamento que já tem certa história para com o tratamento de Hipercolesterolemia (elevação do colesterol acima dos níveis considerados normais) e é vendido em toda em âmbito nacional.

QUEM PODE USAR?

O medicamento Atorvastatina pode ser usado por pacientes que tenham nível elevado de colesterol total, mas é importante notar que o genérico do Citalor pode ser usado em adjunto a uma dieta adequada para reduzir o colesterol LDL. Mas quais são as indicações e as contra-indicações? Vejamos abaixo:

INDICAÇÕES

O Citalor é indicado na prevenção de secundária após síndrome coronária aguda (doença cardiovascular). Também é indicado como adjuvante numa dieta de redução dos níveis de colesterol total, colesterol LDL e apolipoproteína B (mau colesterol) em meninas pós-menarca e meninos entre 10 e 17 anos, com hipercolesterolemia (colesterol alto) que sejam por genética.

Atorvastatina é indicada para pacientes que sofrem de Hipergliceridemia (que é um aumento de triglicérides acima do normal) enquanto que também é indicado para pacientes que sofrem de aumento de gordura no sangue (Hiperlipdemia). É interessante frisar que a eficácia da Atorvastatina na redução de colesterol, é relacionada diretamente com a dose, ou seja, quanto mais as doses são elevadas, mais reduzirá o colesterol. Para pacientes de Diabetes tipo B, a Atorvastatina reduz as chances de derrame e previne o ataque cardíaco, isto é válido também para aqueles que têm pré-disposição genética.

CONTRA-INDICAÇÕES

Como todo medicamento, o Citalor e seu principio ativo Atorvastatina prevêem contra indicações para pacientes, tais como:

  • Atorvastatina não deve ser usado por mulheres grávidas ou que possam ficar grávidas durante o tratamento.
  • Se a mulher estiver amamentando, o médico deve ser informado.
  • Atorvastatina é contra indicado para pacientes que apresentem alergia a qualquer componente da formula.
  • Pacientes que sofram de doença hepática ativa
  • Pacientes que consumam álcool

POSSÍVEIS EFEITOS COLATERAIS

Como todo medicamento, a Atorvastatina tem seus efeitos colaterais, podendo variar de paciente para paciente. Seguem alguns exemplos:

  • Dor de cabeça
  • Dor abdominal
  • Náusea
  • Diarréia
  • Mal estar, febre.

É importante citar que foram poucos os casos de efeitos adversos reconhecidos pelo uso desse medicamento.

OUTRAS INFORMAÇÕES

Esse medicamento é vendido sob prescrição médica.

No caso de um consumo excessivo do medicamento (super dosagem) o paciente deve receber tratamento pelo sintoma que sofrer, comprovando assim que não há tratamento especifico para uma super dosagem desse medicamento.